Notícias

O Sicoob Fluminense sedia durante toda a quinta-feira, oito de novembro, em seu auditório, a segunda etapa do Planejamento Colaborativo de Inovação de Campos dos Goytacazes. Um dos objetivos principais do evento é o de promover a unificação das ações dos diversos atores representantes de entidades que fomentam a inovação, a fim de que Campos possa vir a se posicionar adequadamente na área, concentrando forças para um único foco, sem duplicidade de ações e que possam ser concorrentes. Participam, além de colaboradores do Sicoob Fluminense, integrantes da prefeitura de Campos, Sebrae, Firjan, Senai,  UENF, IFFluminense, Cândido Mendes, IseCensa e Starups e empresas que atuam diretamente no campo da inovação na região. Além disso, também acompanham o evento grupos de comunidades de inovação e empreendedorismo, a exemplo da DevMode, Planíc.ie, Goytaborgs, Onda Empreendedoras e Shell Iniciativa Empreendedora. Além de ser anfitriã, na rua Dr. Siqueira, 278, Parque Dom Bosco, o Sicoob Fluminense é a única instituição financeira presente, com experiência acumulada pela realização de projetos afins, como o Conexão Sicoob, o Sicoob Talks e o Sicoob Meeting.
O Instituto Sicoob reuniu no Rio de Janeiro, no dia 26 de outubro, 150 professores, orientadores pedagógicos, diretores e representantes de outros setores da rede pública de ensino para debater a cooperação na educação. O encontro fez parte da segunda edição do Cooperjovem, que teve como tema ‘Ecos da Cooperação’. Este ano, a iniciativa comemora um aumento de quase 40% no número de profissionais capacitados, em relação a 2017. Representando o Sicoob Fluminense esteve a assistente social Maria Clara de Oliveira. Foram apresentados 18 Projetos de Educação Cooperativa (PECs), realizados em cidades como Campos dos Goytacazes, Carapebus, Bom Jesus do Itabapoana, São Francisco do Itabapoana, Mendes e Três Rios, implementados dentro e fora do ambiente escolar. Ao todo, 159 professores participaram da formação em 54 escolas, beneficiando diretamente 17.940 alunos através de 36 projetos. Em Carapebus, por exemplo, um projeto desenvolvido na Escola Municipal Luiz Carlos Fragoso conscientiza a população para a importância da sinalização de trânsito na região da escola. Já em Bom Jesus, na Escola Municipal Otília Vieira Campos, os orientadores chamaram a atenção dos alunos para o descarte correto do lixo e a consequente preservação da saúde. Logo na chegada ao Cooperjovem, os professores foram recebidos pelo grupo teatral Cia de Mystérios, que apresentou o espetáculo “Gigantes pela Própria Natureza”, sobre pernas de pau. Na apresentação, que contou com música e um passeio pelas tradições do folclore…
O aluno do terceiro ano Bernardo de Abreu Touchè, do município de Campos dos Goytacazes, do Rio de Janeiro foi o vencedor do Concurso Cultural 2018 na categoria desenho. Ele recebeu a premiação nacional, um notebook, no último dia 26 de outubro das mãos do Superintendente do Instituto Sicoob, Luiz Edison Feltrim e do presidente do Sicoob Fluminense, Neilton Ribeiro da Silva.
O Sicoob Fluminense conseguiu um feito na noite de terça-feira, 30 de outubro, em Brasília – conquistou o 3.º lugar nacional do Prêmio SomosCoop - Melhores do ano, na categoria Cooperjovem, concedido pelo Sistema OCB. De todo o país foram inscritos 437 projetos, de 267 cooperativas. O Sicoob Fluminense ficou atrás apenas do Sicoob Creditapiranga SC/RS (SC) e do Sicredi União MS/TO (MS). Este ano sete categorias foram abrangidas (Comunicação e difusão do cooperativismo; Cooperativa cidadã; Cooperjovem; Desenvolvimento sustentável; Fidelização; Inovação e tecnologia e Intercooperação). A cooperativa esteve representada pelo Diretor-Presidente Neilton Ribeiro da Silva, pela vice-Presidente do Conselho de Administração, Eunice Nogueira, e pela assistente social do Sicoob Fluminense, Maria Clara Oliveira, que trabalha diretamente com a implementação do Cooperjovem na região de abrangência da instituição. Eles estavam acompanhados de Iran Pitthan, instrutor do Cooperjovem, programa de educação cooperativista de crianças e adolescentes, desenvolvido em âmbito nacional pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) desde 2000. No Rio de Janeiro a responsabilidade é do Sicoob Fluminense. A cada dois anos, um grupo de cooperativas recebe do Sistema OCB o título de “Cooperativa do Ano” – um reconhecimento à criatividade, à visão e aos resultados obtidos por elas ao longo do biênio. Em 2016 a premiação passou a se chamar Prêmio SomosCoop – Melhores do Ano, considerado uma forma de reconhecimento público das boas práticas de cooperativas com benefícios…
Página 1 de 10